Sintomas e tratamento da Covid19

Sintomas da Covid19
Sintomas da Covid19
A COVID-19 afeta cada pessoa de formas diferentes. A maioria das pessoas infetadas desenvolve a doença com sintomas ligeiros a moderados e recupera sem necessidade de hospitalização.

Sintomas mais comuns:
febre,
tosse seca,
cansaço.

Sintomas menos comuns:
tensão e dores musculares,
dores de garganta,
diarreia,
conjuntivite,
dor de cabeça,
perda de paladar ou olfato,
irritações na pele ou descoloração dos dedos das mãos ou dos pés.

Sintomas da Covid19


Autocuidado/tratamento
Se se sentir doente, deve descansar, beber bastantes líquidos e fazer uma alimentação nutritiva.
Fique numa divisão separada de outros familiares e, se possível, utilize um banheiro exclusivo.
Limpe e desinfete as superfícies em que toca frequentemente.
Todas as pessoas devem manter um estilo de vida saudável em casa.
Faça uma dieta saudável, durma, mantenha-se ativo faça exercícios e socialize com entes queridos através do telefone ou da Internet.

Confinamento
As crianças precisam de carinho e atenção adicionais por parte dos adultos durante esta altura difícil.
Mantenha rotinas e horários regulares tanto quanto possível.
É normal sentir tristeza, tensão ou desorientação durante uma crise.
Falar com pessoas em quem confia, como amigos e familiares, pode ajudar.
Se sentir que a situação é demasiado para si, fale com um conselheiro ou um profissional de saúde.

Prevenção da COVID-19

Informe-se sobre os fatos e tome as precauções adequadas para se proteger a si e às pessoas à sua volta.
Siga os conselhos partilhados pela sua autoridade de saúde local.
COVID-19 prevention

Para evitar a propagação da COVID-19:
  • Lave frequentemente as mãos. Utilize água e sabão, ou uma solução à base de álcool.
  • Mantenha uma distância segura de qualquer pessoa que estiver a espirrar ou tossir.
  • Use máscara sempre que o distanciamento físico não for possível.
  • Não toque nos olhos, no nariz ou na boca.
  • Cubra o nariz e a boca com o cotovelo fletido ou um lenço quando tossir ou espirrar.
  • Se se sentir doente, fique em casa.
  • Se tiver febre, tosse e dificuldade respiratória, procure assistência médica.

Ao ligar antes de sair, permite que o seu prestador de cuidados de saúde o encaminhe rapidamente para a instituição de saúde certa. Isto assegura a sua proteção e evita a propagação de vírus e outras infeções.

Máscaras
prevention mask covid
As máscaras ajudam na prevenção e podem ajudar a evitar a propagação do vírus entre o respetivo portador e outras pessoas.
O uso de máscara, por si só, não protege contra a COVID-19 e deve ser combinado com o distanciamento físico e a higiene das mãos.

Siga os conselhos partilhados pela sua autoridade de saúde local.

Como se propaga o Coronavirus

 covid19 vaccine

A doença por coronavírus (COVID-19) é uma doença infeciosa causada por um coronavírus descoberto no final do ano de 2019 na cidade chinesa de Wuhan.

A maioria das pessoas que contraem a COVID-19 tem sintomas ligeiros a moderados e recupera sem necessitar de tratamento especial.

No entanto em outros casos, que não seja da idade avançada, problemas de saúde e sistema imunológico debilitado facilitam o aparecimento e contágio pelo vírus.

Como se Propaga o Covid19?

O vírus que causa a COVID-19 transmite-se principalmente através das gotículas que são geradas quando uma pessoa infetada tosse, espirra ou expira. Estas gotículas são demasiado pesadas para ficarem suspensas no ar e depositam-se rapidamente em pavimentos ou superfícies.

Qualquer pessoa pode ser infetada ao inspirar o vírus se estiver a uma grande proximidade de alguém com COVID-19 ou tocar numa superfície contaminada e, em seguida, nos olhos, no nariz ou na boca.


Vacinas contra o COVID19 (SARS-CoV-2)

Existe vacina para COVID-19?


Muitas vacinas potenciais para COVID-19 estão sendo estudadas, e vários grandes ensaios clínicos podem ser relatados ainda este ano.

Se uma vacina for comprovadamente segura e eficaz, ela deve ser aprovada pelos reguladores nacionais, fabricada de acordo com padrões exigentes e distribuída.

A maior força tarefa entre cientistas e laboratórios estão trabalhando com parceiros em todo o mundo para ajudar a coordenar as principais etapas desse processo.

Assim que uma vacina segura e eficaz estiver disponível, a OMS e os governos trabalharão para facilitar o acesso equitativo para bilhões de pessoas que dela necessitarão.

Atualmente há 48 candidatas à fase final e mais de 200 vacinas contra o novo coronavírus em desenvolvimento no mundo.

Um entendimento de investigação entre as 15 maiores empresas de ciências biológicas para criar uma potencial vacina COVID-19 foi assinado.

São elas:
AstraZeneca; Bayer; bioMérieux; Boehringer Ingelheim; Bristol Myers Squibb; Eisai; Eli Lilly; Gilead; GSK; Johnson & Johnson; Merck & Co. (conhecido como MSD fora dos EUA e Canadá); Merck KGaA, Darmstadt, Alemanha; Novartis; Pfizer; Roche; e Sanofi - concordaram em seguir um conjunto específico de cinco princípios delineados no comunicado para ajudar a garantir o acesso global a potenciais vacinas, terapêuticas e diagnósticos que poderiam ajudar a acelerar o fim da pandemia.

As 5 vacinas chinesas em desenvolvimento contra a COVID 19
Cinco vacinas candidatas chinesas COVID-19 estão em testes clínicos de fase III em países como Emirados Árabes Unidos, Brasil, Paquistão e Peru.

Segundo as autoridades de saúde chinesas os testes clínicos não estão sendo administrados na China porque o nível de infeção e transmissão estão muito baixos e controlados, assim recorreram a ensaios em países do "terceiro mundo" sob forma de contratos, o que tem sido muito contestado por várias entidades políticas destes países.

As cinco vacinas chinesas são: duas vacinas inativadas desenvolvidas pelo China National Pharmaceutical Group (Sinopharm), uma vacina inativada desenvolvida pela Sinovac Biotech Co., uma vacina de vetor adenoviral desenvolvida em conjunto pela Academia de Ciências Militares e a empresa chinesa de biotecnologia CanSino e uma vacina de proteína recombinante desenvolvida pela Anhui Zhifei Longcom Biologic Pharmacy.

Depois que a pandemia estourou, o governo chinês estabeleceu, cinco rotas técnicas para o desenvolvimento de uma vacina, incluindo:
vacina inativada,
vacina de proteína recombinante,
vacina de vetor adenoviral,
vacina atenuada contra influenza e
vacina de ácido nucleico.



Principais laboratórios que seguem na dianteira das vacina para o COVID19
(SARS-CoV-2):